1.10.14

Cleaning up #1

Uma tese, um mês de ausência do mundo da culinária, 1000+ unread posts  na secção "FOOD" do meu feedly.  Este é o plot do seguinte post.

Ora, vamos fazer listinhas:

Hokkaido Milk Bread. Isto promete. Brunch?
Cereal Milk Ice-Cream + Making Ice-Cream (isto está já no congelador!)
do Ottolenghi, Zucchini and Tomato Salad with Herbed Yogurt (os legumes são assados = Fall friendly fooooodddddd)
Roasted Tomato and Pesto Grilled Cheese
Dude, tostas com sabor a Dijon? Oh pá, isto é tão certo.
Outra cena super útil para entreter pessoas enquanto eu ainda estou a braços com os tachos: 15 Hors D'oeuvres for the Fall.
Dois containers de caldo de marisco, feito aqui pela Matilde, no meu congelador imploram por uso. Risotto de marisco much? Um com funcho e fios de açafrão, outro bem mais clássico
E porque os cravings de marisco perduram, Seafood Spaghetti Baked in Paper.
Uma galette (de ar trapalhão e ainda assim, tão bonitas que se comem com os olhos) de batata com vinagre e sal. Isto faz-me lembrar aqueles snacks de batatas fritas da easyjet que te deixam os lábios numa catástrofe!
Massa com pêra? Massa com abóbora? SIM!
Um bocadinho de food porn na forma de crispy, greasy pork skin? Roasted Pork Belly.
Depois de um primeiro take no labneh, aqui uma segunda oportunidade para voltar a fazê-lo: Poached pears with labneh and candied pistachios.
Ando a adorar todo o conceito do pickle (deveria ter fotografado o meu frasquinho de cebola roxa em vinagre de arroz com malagueta e tomilho) e de salgar coisas (preserved lemons). Mais uma: Quick Pickled Apples. (Matilde, convence-te, compra maple syrup)
Como o Outono não é nada sem abóbora, e porque o mítico bolo de abóbora da mãe da Ana deixou-me um vazio que dificilmente é repreenchido (a mãe da Ana chama-se Belita e é uma mãe linda e a minha segunda mãe, porque a Ana é a minha sister from another mother), fica aqui a hipótese de curar a dor: Pumpkin Cake with Cream Cheese Icing and Caramelized Pumpkin Seeds.
Izzy's Swedish Chocolate Cake, um bolo de chcolate de cor escura e textura peganhenta. Um ode aos picos de glicemia d tamanho do Evereste.
Mini fondants de chocolate com recheio de peanut butter. Uma desculpa para ter 24 pessoas cá em casa.
Se o David diz que é bom, eu acredito: Helene's Brownies
Uma coisa muito out of the box: crepes com uvas e brie e bacon! E a Yeh, que é tão tola como visionária, ainda sugere que se faça uma infusão de leite com alecrim para usar na massa, ou ainda, por que não adicionar cebola caramelizada ao recheio?

A minha mãe que, friso pela enésima vez, é a senhora mais bonita à face da Terra, ofereceu-me (FINALMENTE) uma pasta machine. E sim, I die! I DIE! Por isso, é ganhar tomates e borrar a minha cozinha toda (porque nem um metro quadrado de balcão tenho para trabalhar). Esta menina faz parecer tudo muito fácil. É encorajador.


E, não fosse uma pobre que compra material de cozinha nas promoções do pingo doce, no chinês e pratos nas lojas de segunda mão, eu teria um rolo de cozinha assim, em mármore.

E dormiria com ele a meu lado. Como é óbvio, um rolo de cozinha assim, é, além de um utensílio de cozinha, uma belíssma arma de arremesso.

No comments: